BRIGADA DE EMERGÊNCIA

Brigada é uma pizza

 Brigada de incêndio é uma pizza

A Brigada de Incêndio, mesmo com a seriedade de tantas normas decretos e Leis, nem sempre é tratada com a seriedade que merece, vou provar que Brigada é uma pizza e meio a meio.
Com o conceito de pizza proposta aqui, o Brigadista tem elementos de informações suficientes para desenvolver seu papel deforma realmente eficaz, É um conceito muito útil também para Bombeiros Civis e pessoal de Segurança no Trabalho.

 Brigada de incêndio é uma PIZZA

 

O brigadista precisa ter alguns conceitos bem definidos, um dos mais importantes é que brigada não é só extintor e mangueira, a parte de PCI – Prevenção e Combate a Incêndio, é só uma das fatias da pizza, e brigada é uma pizza inteira de 8 pedaços, meio a meio, metade “prevenção” e matade “ações de emergência”

brigada-pizza3

Como disse antes brigada é bem mais que extintor e hidrante, muitas entidades oferecem cursos de Brigada sem passar os pontos importantes da visão inteira da brigada, assim muitos brigadistas acabam não desenvolvendo seu papel que é muito mais amplo do que só saber mexer no extintor.

Com esse conceito de brigada pizza de 8 pedaços, podemos formar muito melhor nosso brigadista, passando uma visão geral de todo contexto e das verdeiras responsabilidade que passa ater assim que se torna um brigadista.

Antes de discutirmos os pedaços da pizza, vamos ter um conceito bem claro par você brigadista, pra você líder ou chefe de Brigada.
Entenda que brigada não é só para aprender a usar extintor e gerar um documento para fiscalização, ele é para proteger você, proteger sua vida e das pessoas a sua volta, proteger seu local de trabalho ou moradia, e evitar o pior se uma emergência acontecer.
As responsabilidades do brigadista:

Você é responsável pelo sistema de segurança contra incêndio e também pelas primeiras ações numa emergência, se seu trabalho foi bem feito em cada parte, tudo deve funcionar melhor.
È muita responsabilidade, mas não se preocupe, estou aqui pra lhe ajudar, o ideal seria que a empresa ou o condomínio onde você trabalha ou vive, tivesse um Técnico de Segurança do Trabalho e Bombeiros Civis contratados para ajudar nas principais responsabilidades da Brigada, mas como nem sempre é assim, a responsabilidade continua sua, e continuaria mesmo com estes profissionais, só seria bem mais fácil.

Resumindo, você como Brigada deve se organizar com os outros Brigadistas, devem ter feito um curso de Brigada, e escolherem entre vocês mesmos quem sera o Líder da brigada, essa pessoa sera o responsável principal por coordenar as atividades e responder pelo que não esta correto.

Vocês precisam se reunir mensalmente, pra relembrar oque viram no curso, para discutir os riscos, oque encontraram de errado, oque foi resolvido e como anda a campanha de conscientização que precisam promover entre todos do local onde vocês estão, ou seja vocês são a Brigada, mas todos sem exceção precisam conhecer o plano de emergência que vocês fizeram e como proceder numa emergência, em especial a rota de fuga e o plano de abandono.
O líder da brigada, entre outras responsábilidades, deve manter ese livro e cópias das solicitações que a brigada enviar aos setores competentes por manutenção e outros.
A importancia da reunião e do livro da brigada

Essa reunião mensal que vocês farão, e não importa se existe uma empresa terceirizada contratada para cuidar de extintores e tudo mais, vocês da brigada precisam entender que vocês são os responsáveis pela segurança contra incêndio no local, precisam fazer essa reunião mensal e dever ter um “livro” para documentar estas reuniões como se fosse uma ata de reunião de condomínio.

O fato de se reunirem e documentarem essa reunião, pode salve-los de complicações, por exemplo:
Houve um incêndio e o hidrante não funcionou, e vocês já haviam testado a bomba, tinham visto que não funcionava, enviaram o pedido de manutenção para o setor competente, e mantiveram uma cópia desa solicitação junto ao livro da brigada, também registraram nesse livro tudo, acontece que não concertaram a bomba do hidrante, e o incêndio aconteceu, a perícia veio e descobriu tudo, pra complicar alguém morreu, e vai acontecer um processo, vão verificar responsabilidades…
Tem SESMET no local, (Pessoal de Saúde e Segurança no trabalho) não.
Então tem equipe de Bombeiros Civis contratada no local, também não.
Então tem Brigada de Incêndio, “sim tem você”.
As autoridades vão investigar, e você precisa explicar por que o brigadista não viu que o Hidrante não funciona, e daí podem vir as maiores complicações, incluindo processos.

Entendendo os pedaços da pizza.

Vou explicar melhor nos próximos artigos estas competências e responsabilidades, por hora vamos entender bem esse conceito de pizza da Brigada, para que saiba suas obrigações:

Brigada é uma pizza de 8 pedaços, meio a meio:
“Ações de Prevenção” e “Ações de Emergência”.

Ações de prevenção:

A primeira metade da pizza, digo da Brigada, essa parte é essencial, dela vamos conhecer nossa planta, o local onde estamos, seus riscos e nossa estrutura de segurança, deste primeiro levantamento, vamos ter informações para gerar nosso “Plano de Emergência”.

1 – Analise dos riscos e planejamento da Brigada.

A parte mais importante, é aqui que tudo começa, é fgeito levantamento dos riscos no local, dos equipamentos, recusos e pessoal disponíveis, desse levantamento são feitos mapas, tabelas e estatisticas. Com essas informações é criado o “Plano de emergência”, onde a equipe vai discutir as melhorias necessárias, as adequações, rotinas e campanhas de conscientização e ainda as ações que serão adotadas em caso de emergência.

2 – Prevenção:

Entenda que prevenir é também mamter todo o pessoal e sistemas de emergência em condições, além de encontrar os riscos existentes, diminuindo estes riscos e estando preparado para sinistros, pode fazer toda a diferença na emergência. Aqui incluímos também a manutenção de todo sistema de segurança contra incêndio, extintores, hidrantes, alarmes, rota de fuga, deixa-los em condições de uso é uma prioridade alta.

3 – Testes:

De tudo, tudo mesmo, vamos entender como verificação e testes de todo sistema de segurança contra incêndio, incluindo bomba dos hidrantes, alarmes de incêndio, luzes de emergência, e saídas de emergência. Estes testes precisam ser mensais e podem acontecer na ocasião da reunião da Brigada.

4 – Reuniões, treino e simulados:

É preciso que as condutas definidas nas reuniões sejam aplicadas, que todos da brigada treinem com frequência, e a simulado que deve acontecer a cada 6 meses, ou pelo menos uma vez por ano, precisa ter o envolvimento e participação de todos do local. Só assim estão preparados par uma emergência real.
Para se ter ideia, os militares da marinha, quando em embarcações no mar treinam “todo dia” sua equipe de brigada de incêndio, em empresas de alto rico os treinos da brigada chegam a ser mensais, toda quinzena ou até semanais, a recomendação básica é:
Verificação básica toda semana, e verificação, testes gerais e treinamentos mensais. O treinamento é quando o pessoal da brigada relembra oque aprendeu no curso, maneja seu equipamento e mantém a habilidade afiada.

Ações de emergência:

O incidente aconteceu, existe uma emergência, nesse caso o tempo e a perícia das ações pode ser a diferença entre a vida e a morte sua ou das pessoas ao seu redor.
Estamos em emergência, com segurança confiança e atenção, vamos:

1- Acionar o plano de Emergência,

que já foi desenvolvido pelo pessoal da brigada e seus responsáveis, que já é de conhecimento de todos do local, mesmo os que não são da Brigada, que já foi treinado pelo e simulado por todos, que bom que todos já tem noção do que fazer, imagine acontecer a emergência e não haver um plano, ou o haver e ninguém conhecer. Esse plano obrigatoriamente inclui o plano de abandono com a rota de fuga e as equipes de abandono dentro da Brigada as chances de serem salvos é ótima.

2- Abandono,

é a principal preocupação da Brigada, devem ser considerados muitos fatores para que o plano tenha sucesso, incluindo fuga de pessoas com mobilidade reduzida, como gestantes, obesos, deficientes, idosos, a rota de fuga deve estar muito bem acessível. O pessoal da brigada nas suas atribuições de rotina manteve essa rota livre, com o ponto de encontro de conhecimento de todos num local longe e seguro, onde poderão verificar se falta alguém para direcionar o resgate. Imagine se o pessoal da Brigada não tivesse sido atento a rota de fuga, e as pessoas ficassem presas numa emergência.

3 – Combate,

a segunda prioridade da Brigada, também nesse ponto vemos a importância da primeira metade da pizza, as medidas de prevenção, se os extintores estão em condições de uso, os hidrantes também e a equipe está treinada para ação. Lembrando que a Brigada não é uma equipe de bombeiro Civis contratada e com a competência explicita de combate a incêndio, a Brigada deve agir de forma segura e respeitar suas limitações, se a situação de combate estiver inseguro ou em proporções acima de seus recursos, devem se concentrar no abandono e não correr maiores riscos.

4 – Primeiros Socorros,

num plano ideal, abrigada tem pessoas em numero suficiente para ter 3 equipes, uma de abandono, uma de combate e uma de primeiros socorros, mas, oque costuma acontecer é um numero reduzido de pessoas que precisariam fazer tudo, em algumas situações é dispensado o módulo de primeiros socorros par equipe de Brigada, ficando uma fatia a mesmo.
De qualquer forma, os primeiros socorros para brigada são principalmente para evitar risco de morte, podemos considera aqui suporte básico á vida, e DEA onde exista o equipamento.

Todos estes pontos, essas fatias, serão melhor explicados em artigos específicos.
Concluo reforçando que o brigadista precisa ser ativo, interessado e se empenhar na sua missão de manter a pizza muito boa, estar preparado, treinado, ter feito a verificação e mantido todo sistema em condições, e ainda saber como agir da melhor forma numa emergência são suas obrigações.

Parabéns brigadista, bem vindo, e se você é um Bombeiro Civil, ou o profissional de Segurança no Trabalho responsável pela brigada, tem um presente nesse artigo que pode lhe ajudar.


Coord. Rodrigo Santana

Diretor – Fundador GRUTAR
Formação em Saúde, graduando em Tec. Segurança no Trabalho, Bombeiro Civil. Especialista em primeiros socorros, equipamentos, equipes e ações de emergência.
e-mail: grutar.consultoria@hotmail.com

2 Responses to BRIGADA DE EMERGÊNCIA

  1. afonso helbert borges disse:

    muito legal essa sua materia, está de parabens

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: